Itens filtrados por data: Terça, 23 Julho 2019

Na manhã desta terça-feira (23/7),o prefeito Elinaldo Araújo, acompanhado do secretário de Saúde Elias Natan, visitou a Policlínica de Saúde Regional de Feira de Santana. Também participaram da visita a prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho, e os secretários de Saúde de Dias Dávila e Simões Filho.

A visita teve por objetivo conhecer o funcionamento da unidade de saúde, uma vez que está prevista para setembro a inauguração da Policlínica de Saúde Regional de Simões Filho, que atenderá os municípios de Camaçari, Simões Filho, Lauro de Freitas, Dias Dávila, Mata de São João, Candeias, Pojuca e Conde.

Após a visita, o prefeito Elinaldo mostrou-se bastante otimista quanto aos serviços que serão ofertados à população de Camaçari. “Com a inauguração da nossa policlínica regional iremos oferecer à população serviços de qualidade em diversas áreas da saúde, desde consultas médicas especializadas a exames de imagens”.

Secretário de Saúde, Elias Natan afirma que “no geral a policlínica atenderá a demanda que temos na região com serviços de bioimagem, ressonâncias, ultrassom, mamografia, eletros, ecocardiogramas, endoscopias e muitos outros”.

O custeio da Policlínica de Saúde Regional de Simões Filho será divido entre Estado e municípios do Consórcio Público Interfederativo de Saúde da Região do Metro Recôncavo Norte. Sendo 40% de custeio do Governo do Estado e 60% dos municípios do consórcio, com base na proporção populacional de cada município.

Publicado em Camaçari

A Polícia Federal (PF) convocou jornalistas nesta quarta-feira (24) para esclarecer mais detalhes da Operação Spoofing, que prendeu quatro suspeitos de invadirem celulares do ministro da Justiça, Sergio Moro e demais autoridades da Lava Jato.

À frente das explanações, o delegado João Vianey Xavier Filho e o diretor do Instituto Nacional de Criminalística, Luiz Spricigo. A reunião não foi aberta às perguntas dos jornalistas.

A operação prendeu ontem (23) quatro suspeitos de hackear celulares de autoridades, entre as quais o ministro da Justiça, Sérgio Moro. Veja o que a PF já divulgou publicamente até agora:

Os presos 

  • Gustavo Henrique Elias Santos: era DJ e já foi preso por receptação e falsificação de documentos; foi detido pela PF em São Paulo.
  • Suelen Priscila de Oliveira:
  • Walter Delgatti Neto: Conhecido como “Vermelho”, já foi preso por falsidade ideológica e por tráfico de drogas; foi preso em Ribeirão Preto pela PF. É filiado ao DEM, entrou no Twitter em 27 de maio, dias antes da primeira matéria do The Intercept com informações vazadas de Moro. Há várias postagens em seu perfil relacionadas ao Intercept, além de posts pedindo ‘Lula livre’ e críticas à Lava Jato e ao governo Bolsonaro. Delgatti mantém fixado um tuíte com discurso recente de Gilmar Mendes contra a criação do fundo privado com recursos recuperados da Petrobras, onde o ministro disse que a “fundação de Deltan Dallagnol era um fundo eleitoral”. “Gente desqualificada, gentalha, não tem condições de integrar o Ministério Público.” O último post de Delgatti é sobre o ataque ao ministro Paulo Guedes. Ao dar RT numa matéria do site Brasil247, ele escreveu: “Aí vem coisa hein kkk.”

     

  • Danilo Cristiano Marques: foi preso em Araraquara e já teve condenação por roubo 

Os investigadores identificaram que o celular de um dos quatro membros do grupo de hackers possuía uma conta com o nome do ministro da Economia, Paulo Guedes, no aplicativo de mensagens Telegram.

“No celular do indivíduo estava uma conta no aplicativo de mensagens vinculada com o nome Paulo Guedes. Precisamos confirmar isso de forma pericial mas é um forte indicativo de que a conta seja realmente a do ministro”, declarou o diretor do Instituo Nacional de Criminalística, Luiz Spricigo Júnior, durante a reunião com a imprensa.

Um dia antes da prisão dos suspeitos, na segunda-feira (22) o celular de Paulo Guedes foi hackeado. O nome do hacker que invadiu a conta de Guedes não foi informado.

Quantidade de alvos

Aproximadamente 1 mil diferentes números telefônicos foram alvo do modo de ação usado para invadir o celular de Sérgio Moro.

“Algumas constatações que já foram possíveis em relação ao que vínhamos analisando previamente e estão aparentemente se confirmando neste momento. Nós estamos estimando aproximadamente mil números telefônicos diferentes foram alvos deste mesmo modus operandi por esta quadrilha”, observou o coordenador-geral de Inteligência da Polícia Federal, delegado Vianey Xavier Filho.

Reunião com a ANATEL

O diretor do Instituto Nacional de Criminalística, Luiz Spricigo, disse que vai enviar um ofício à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) solicitando reunião com a área técnica da agência reguladora.

O objetivo é apresentar o modus operandi utilizado pelos criminosos para invadir celulares e tentar encontrar uma solução técnica para barrar essas ações de hackers.

Os investigadores que atuaram na apuração das invasões dos celulares do ministro da Justiça, de magistrados e policiais apontaram que os suspeitos de terem feito o hackeamento dispararam 5.616 ligações para os telefones das autoridades por meio de robôs para congestionar as linhas e, com isso, viabilizar o acesso às contas do aplicativo de mensagens Telegram.

Publicado em Brasil

Antes de vir para o Brasil e de se aliar ao espião americano Edwanrd Snowden, que roubou e repassou  dados que roubou da CIA e da NSA, o ativista do Psol, advogado e jornalista Glen Greenwald, teria produzido pelo menos dois sites de filmes pornográficos para gays nos Estados Unidos.

Segundo o site estrangeiro Daily News, em reportagem de 2013, antes de ser repórter e comentarista do jornal The Guardian, Glenn Greenwald era advogado e tinha um emprego de meio período no ramo pornográfico.

O caso veio à tona nesta terça-feira (23), através do jornalista Oswaldo Eustáquio, do site Agora Paraná.  O jornal estrangeiro mostra que o sócio da indústria pornográfica do fundador do Intercept, estava reclamando que Greenwald exigia mudanças no conteúdo dos vídeos que eram inaceitáveis e por isso acabaram rompendo, o que se tornou uma batalha judicial, que fez Greenwald montar seu próprio site pornô, denominado “hairystuds.com”.

O Agora Paraná ainda salienta que, embora essa informação seja antiga, não tinha vindo a tona no Brasil, sobretudo no tempo em que o jornalista americano conseguiu adotar dois meninos brasileiros. “Certamente a justiça brasileira não levou em consideração essa informação, mas a partir de agora a situação pode ficar mais complicada. Greenwald tentou ainda nesta semana visto de emergência para levar os filhos para os Estados Unidos, segundo o próprio Greenwald para ver a avó que está na iminência de morrer de câncer”, diz o portal.

O caso

O Daily News relata que Glenn, nativo do Queens, se tornou advogado em 1995, depois de se formar na Universidade de Nova York.

Ele já tinha carreira como advogado, quando o amigo, Jason Buchtel, lhe ofereceu uma parceria em sua empresa de consultoria, Master Notions Inc., em 2002.

Documentos judiciais mostram que um dos clientes da empresa era então conhecido como HJ – abreviação de “Hairy Jocks” e que Greenwald foi quem negociou o acordo.

O proprietário, Peter Haas “tinha essa empresa pornográfica que ele não era capaz de manter”, disse Greenwald. Greenwald e Buchtel concordaram em ajudar a Haas em troca de 50% dos lucros.

Nos dois meses em que as empresas trabalharam juntas, Haas ganhou mais dinheiro como nunca antes em toda sua vida, conforme registros da Master Notions.

No entanto, Haas recusou-se a pagar à empresa sua parte dos lucros, o que deu origem à batalha. Haas disse que cancelou o acordo porque Greenwald estava “exigindo mudanças no conteúdo dos vídeos que eram inaceitáveis”.

Ele também acusou Greenwald de ter o intimidado a assinar o acordo, citando vários e-mails distorcidos que ele disse serem de Greenwald, cujo endereço de e-mail era “DomMascHry31”. Em um deles, Greenwald supostamente chamou Haas de “uma putinha” e “uma boa prostituta”.

Mas, Greenwald negou tudo e disse que os e-mails foram “completamente fabricados” e não escritos por ele.

Depois que o relacionamento comercial azedou, Haas também acusou Greenwald e Master Notions de ter roubado sua lista de clientes para comercializar seus próprios vídeos em “hairystuds.com”. “Se você gostou do vídeo do Hairy Jocks, vai adorar nossa nova linha de vídeos”, disse o site.

Em declarações judiciais, Greenwald argumentou que Haas não tinha uma lista de clientes real para roubar, e que a Master Notions tinha se reunido “revendo clubes, grupos e salas de bate-papo na Internet e na America Online, que são voltadas para pessoas com interesse em vídeos adultos”.

O caso foi resolvido em 2004.  As denúncias também mostram diferentes desafios que Greenwald enfrentou ao longo dos anos.

Em um processo de 2003, ele e seu então sócio, Werner Achetz, foram processados ​​pela diretoria do West Side por ter um cachorro maior do que o permitido pelos estatutos.

Eles então alegaram que estavam sendo atacados porque eram gays, uma acusação que o conselho negou. Os documentos também mostram que ele teve alguns problemas financeiros – sua licença legal foi suspensa por não pagar sua taxa de registro em 2009. Ele disse que começou a desmembrar sua prática de advocacia em 2005 para se concentrar em escrever.

Publicado em Mundo

Após se reunir com representantes da Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba) na manhã desta quarta-feira (24/7) para pedir celeridade na execução de serviços que possibilitem o andamento de importantes obras realizadas pelo município, o prefeito Elinaldo Araújo fez uma blitz às ações de infraestrutura, tendo como principal ponto de parada as intervenções de requalificação realizadas na alça do viaduto da Cascalheira (BA-531), iniciadas no último dia 15 de julho.

O gestor fez a visita técnica acompanhado dos secretários de Governo, José Gama Neves, e de Infraestrutura, Joselene Cardim, além de engenheiros e arquitetos da prefeitura. Na ocasião, conversou com os presentes sobre as demais intervenções previstas para o local, como a construção de mais três alças e de umavia de acesso que ligará a Avenida Industrial à Via Parafuso (BA-535).

Do local, o prefeito seguiu para a sede da Concessionária Bahia Norte, em Salvador. Lá, o chefe do executivo se reuniu com o gerente de Engenharia, Wagner Magalhães, e o advogado, Thiago Fernandes. Além de tratar sobre as pendências referentes ao Viaduto do Trabalhador sinalizadas durante a reunião com a Coelba, o chefe do executivo falou sobre o projeto do viaduto da Cascalheira, que deve passar por adequações, a serem feitas pela própria Concessionária, que submeteráo documento à Agerba, órgão do estado. De acordo com o gerente Wagner, a expectativa é de que o projeto seja entregue à Prefeitura até o dia 8 de agosto.

O prefeito Elinaldo Araújo agradeceu a parceria da concessionária e a disponibilidade em abrir espaço na agenda para recebê-lo. “Fico feliz em termos achado um caminho que dê celeridade à execução das obras no município. Diariamente me dedico a buscar mais investimentos e desenvolver políticas públicas que resultem na melhoria de vida para a população”, finalizou o prefeito.

A secretária Joselene Cardim ressalta a importância das alças do viaduto da cascalheira que vão garantir mais segurança e melhor mobilidade aos veículos que trafegam pelo local. “Após recebermos o projeto, faremos o orçamento e encaminharemos para licitação”, explicou a responsável pela Seinfra.

 

Publicado em Camaçari

Os salva-vidas de Camaçari estão com atenção dobrada para atuar nas praias de Arembepe e Jauá, devido à ressaca do mar registrada na Costa do município, desde o último final de semana. A Defesa Civil segue trabalhando para minimizar os danos para a população e pede a colaboração de todos.

O coordenador da Defesa Civil, Ivanaldo Soares, evidenciou a solidariedade da equipe de salva-vidas do município. “Eles estão trabalhando em ritmo de solidariedade também, porque eles são pessoas que moram na redondeza e estão sensíveis à situação. Parabenizo a atitude nobre destes profissionais, que estão trabalhando mesmo de folga”.

As equipes atuam nas praias das 8h às 17h, orientando para que as pessoas não entrem na água. Em caso de um possível afogamento, primeiro deve-se jogar algo flutuante para essa pessoa e depois chamar o salva-vidas, ou ligar para os números 199, (71) 3622-7555 ou (71) 98796-9858. Nunca entrar para tentar salvar essa vítima, o que deve ser feito é a observação, para que direção está indo, a fim de orientar o profissional.

Ainda de acordo com o coordenador da Defesa Civil, o mau tempo deve seguir até domingo (28/7), mesmo dia que já tem uma maré mais alta prevista por conta das fases da lua, que com esse fenômeno pode ser dobrada. Por causa disso, ele não recomenda o banho de mar, já que as ondas estão mais fortes que o normal, destruindo barracas e alvenarias, além de a água estar mais suja devido à velocidade das ondas e ventos.

Nas demais praias da Costa de Camaçari, o banho também não é recomendado, mas os casos mais críticos são os de Arembepe e Jauá, que já têm pontos de isolamento da área de risco prezando pela segurança e integridade dos moradores.

Publicado em Camaçari

A Prefeitura de Camaçari dá sequência às obras de recapeamento asfáltico em bairros da cidade, priorizando trechos críticos que sofrem com a chegada do tempo chuvoso e atendendo vias que ainda não receberam a camada asfáltica. Nesta semana, os trabalhos de recapeamento chegaram a três ruas do bairro Gleba A, na sede, oferecendo melhorias na malha viária para os moradores e transeuntes que circulam pela localidade.

As ruas 8, 9 e 12 do Canal, que recebem as melhorias, têm 140x7metros de extensão cada uma. De acordo com a Secretaria de Infraestrutura (Seinfra), as ruas terão o serviço de recapeamento concluído ainda nesta semana.

Paralelo aos serviços de recapeamento, a Seinfra informa que outra frente de trabalho realiza tapa-buraco na Rua Principal do Poloplast, em frente ao Atacadão na Avenida Jorge Amado, e na Avenida Tiradentes, em Vila de Abrantes. Acontece ainda a implantação de quebra-molas na Rua da Palha, no bairro Dois de Julho.

Através de um trabalho preventivo, a Prefeitura está contemplando ruas da sede e da Costa de Camaçari, a fim de oferecer para a população uma cidade melhor para viver.

Publicado em Camaçari

Para a elaboração de um plano emergencial, com ações que visem dar celeridade e assistência às pessoas que estão sofrendo com a ressaca do mar que acontece na Costa de Camaçari, desde o último final de semana, secretários e representantes do governo municipal estiveram reunidos na manhã desta terça-feira (23/7), na sala de reuniões da Secretaria de Governo (Segov).

Na ocasião, o secretário de Turismo, Gilvan Souza, apresentou um relatório de danos causados pelo avanço do mar na Costa de Camaçari, nas localidades de Busca Vida, Jauá, Arembepe, Guarajuba e Itacimirim.

Em Busca Vida, o avanço do mar foi de aproximadamente 30 metros acima do limite de praia, contudo não houve danos físicos aparentes ou relatados. Em Jauá, o avanço do mar causou danos em todas as barracas, oscilando entre a destruição total das estruturas e invasão de areia nos quiosques cedidos pela Prefeitura. A alvenaria no entorno da praia foi destruída e os escombros que permaneceram tiveram sua base de areia retirada pela força das ondas.

Em Arembepe, ocorreram danos físicos e avanço das ondas em barracas, restaurantes e pousadas. Em Guarajuba, o avanço foi considerável, no entanto, a força das ondas e a ventania contribuíram para ampliar o assoreamento e retirada da base de sustentação dos coqueiros e barracas da região. Itacimirim teve aumento no volume do rio, de mais de 30 metros na faixa de areia, sem danos físicos permanentes nas barracas ou nos barcos alocados na areia.

Diante da gravidade ocorrida em Jauá e Arembepe, o titular da Prefeitura Avançada da Costa e vice-prefeito, José Tude, sinalizou que a condução do Plano de Ação fosse inicialmente relacionado a essas duas localidades. “Vamos listar as ações emergenciais e oferecer ao prefeito as soluções para que ele avalie o melhor caminho para resolver esses assuntos”, disse.

O secretário de Governo, José Gama, pontuou que as ações que foram realizadas nestes dias, a exemplo da retirada de barcos na praia de Arembepe, mostra o governo unido. “O governo está agindo, presente e envolvido com a dificuldade e a situação que cada pescador está enfrentando. Agora vamos seguir com um formato mais oficial para atender aos que ficaram vulneráveis com o fenômeno da maré”.

Com os efeitos da frente fria, 67 pescadores, entre toda a Costa de Camaçari, foram prejudicados. No entanto, a Defesa Civil está realizando um levantamento das situações de infraestrutura das barracas, restaurantes e embarcações para execução de ajustes. Segundo Ivanaldo Soares, coordenador do órgão, os imóveis que correm risco de colapso já foram interditados.

O secretário de Agricultura e Pesca, Antônio Falcão, e a secretária de Desenvolvimento Social e Cidadania, Andréa Montenegro, estão fazendo o cadastro e levantamento de pessoas em situação de vulnerabilidade, com colaboradores espalhados tanto em Arembepe, como em Jauá. A Secretaria de Serviços Públicos realiza limpeza das praias, com retirada de entulho e estruturas expostas.

Além das providências em andamento, a Prefeitura de Camaçari lança o programa municipal Mais Pesca nesta segunda-feira (29/7). O programa vai beneficiar a pesca artesanal e conceder a pescadores e marisqueiras incentivos financeiros.

Publicado em Camaçari
12º Batalhão da Polícia Militar tem novo comandante
 

Nesta quarta-feira (24/7), o vice-prefeito, José Tude, participou da solenidade de assunção do comando do 12º Batalhão da Polícia Militar da Bahia, pelo tenente-coronel Antônio Souza Sampaio Junior. O ato foi realizado na sede da unidade e contou com a presença de diversas autoridades.

Representando o prefeito Elinaldo Araújo, o vice-prefeito, José Tude, falou sobre as expectativas para o novo comando. “Pelo currículo apresentado na solenidade, Camaçari está recebendo um presente, um comandante que tem uma sensibilidade muito grande com a população, de modo geral, facilidade de entrosamento com os políticos e os não políticos, o que é muito importante e só vai dar resultados positivos. É por isso nós estamos muito satisfeitos, vamos seguir adiante e colaborar, como a prefeitura tem colaborado com a Polícia Militar, dando o apoio necessário”.

O comandante de Policiamento da Região Metropolitana, coronel Alfredo José Souza de Nascimento, falou sobre a escolha para Camaçari. “Foi a dedo. Camaçari é uma cidade importante do nosso Estado e precisávamos de um nome de peso, com vasta experiência operacional”. Ele ainda pontuou a orientação dada, que é de fazer a junção de todas as autoridades para ter a paz desejada.

“Traçaremos estratégias para melhorar os índices de Camaçari. A ideia é tentar voltar com a Ronda Escolar, ver se consegue implantar a Ronda Maria da Penha. Na verdade, vamos buscar atender os anseios da comunidade para ver como a gente pode ajudar ainda mais a melhorar os índices”, destacou o novo comandante, tenente-coronel Antônio Sampaio, sobre o trabalho que pretende desempenhar no município.

Estavam presentes o secretário de Relações Institucionais, José Matos, o superintendente de Trânsito e Transporte Público, coronel Alfredo Castro, que também já foi comandante do 12º BPM, a delegada titular da 18ª Delegacia Territorial, Thaís Siqueira, dentre outras autoridades militares.

Publicado em Camaçari

De acordo com parecer do Ministério Público Federal (MPF) os hackers que foram presos na Operação Spoofing se utilizaram de uma vulnerabilidade da rede de telecomunicações, comum a todas as operadoras, para cometer as invasões.

Segundo o MPF, conhecendo a falha, “os criminosos utilizaram a tecnologia Voip que permite a edição do número de origem, quando o sistema de Identificação de Chamadas está ativo”.

A intenção de acessar a caixa postal do ministro seria obter o código de acesso ao Telegram Web, programa utilizado no computador para acessar o aplicativo de mensagens Telegram.

“O Telegram permite que o usuário solicite o código de acesso via ligação telefônica com posterior envio de chamada de voz contendo o código para ativação do serviço Web, cuja mensagem fica gravada na caixa postal das vítimas”, diz trecho da decisão que autorizou a operação. O invasor então realiza diversas ligações para o número alvo, a fim de que a linha fique ocupada, e a ligação contendo o código de ativação do serviço Telegram Web é direcionada para a caixa postal da vítima”, continua o documento.

Os suspeitos, segundo a investigação, fizeram 5.616 ligações em que o número de origem era igual ao número de destino. A PF chegou aos suspeitos por meio de informações do Voip. Com ordem judicial, a empresa repassou à PF os endereços de IP dos usuários que efetuaram as chamadas suspeitas. O IP é a identificação numérica de cada aparelho que acessa a internet.

Publicado em Brasil

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, parabenizou a Polícia Federal e o Ministério Público Federal na madrugada desta quarta-feira (24/7), na conta dele no Twitter.

Ele também fez afirmações sobre a procedência das informações divulgadas pela ação que atacou a Lava Jato.

Parabenizo a Polícia Federal pela investigação do grupo de hackers, assim como o MPF [Ministério Público Federal]. Pessoas com antecedentes criminais, envolvidas em várias espécies de crimes. Elas, a fonte de confiança daqueles que divulgaram as supostas mensagens obtidas por crime.“, tuitou Moro.

E continuou: “Leio, na decisão do Juiz, a referência a 5.616 ligações efetuadas pelo grupo com o mesmo modus operandi e suspeitas, portanto, de serem hackeamentos. Meu terminal só recebeu três. Preocupante.“.

Publicado em Brasil
Pagina 1 de 2

Grupo Fato Verdade. Sua verdade na web.

Informações de qualidade, sem firulas, sem achismo

Galeria de Fotos