Itens filtrados por data: Segunda, 22 Julho 2019

A Prefeitura de Camaçari, através da Defesa Civil e da Secretaria de Turismo (Setur), continua prestando auxílio aos moradores, pescadores e comerciantes que estão sofrendo com as adversidades climáticas. Nesta segunda-feira (22/7), a Defesa Civil realiza uma vistoria técnica para avaliar os danos causados pelo vento forte e mar agitado, no último fim de semana, a fim de tomar as devidas providências.

Com ventos fortes que chegaram a 70 Km/h e ondas de quatro metros de altura, estruturas de bares, restaurantes e hotéis foram destruídas, trazendo prejuízos às localidades de Arembepe e Jauá. Em Arembepe, oito imóveis foram atingidos entre eles os restaurantes Coló, Beco do Canal, Bar do Isqueiro, Ouro Fino e Mar Aberto. O Hotel Tubarão também teve parte da estrutura derrubada com o avanço do mar.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil, Ivanaldo Soares, os trabalhos preventivos tiveram início na última sexta-feira (19/7) e no sábado (20/7) embarcações foram resgatadas, com auxílio de uma retroescavadeira e dos próprios pescadores. “Emitimos um alerta ao grupo de salva-vidas, mas o mau tempo foi rápido demais e por isso montamos uma força tarefa com outras secretarias, para garantir mais tranquilidade e assistência a todos”.

O titular da Prefeitura Avançada da Costa e vice-prefeito José Tude acompanhou toda ação desta segunda-feira. De acordo com Tude, a determinação do prefeito Elinaldo é de dar toda atenção possível e todo respaldo necessário, a fim de amenizar esta situação. “Estamos fazendo a avaliação dos prejuízos causados, para que a gente tenha condição de sugerir ao prefeito Elinaldo algumas medidas”, explicou acrescentando que, tanto os pescadores quanto os proprietários de barracas terão o apoio da Prefeitura para solucionar os problemas causados pelo mau tempo.

A vendedora Edileuza Souza da Conceição, que trabalha como ambulante na praia estava acompanhando a ação da Prefeitura. “Dependemos da praia, porque é daqui que tiramos o nosso ganha-pão. O prefeito está trabalhando pra resolver essa situação e está ajudando a gente que trabalha aqui no litoral. Vamos aguardar”, disse.

A ação ocorreu em Arembepe e em Jauá. Apesar do incidente, não houve registro de vítimas ou feridos. A Prefeitura permanece atenta e acompanha a situação in loco. Em situações de emergência, a população deve acionar a Defesa Civil através do telefone 199. A ligação é gratuita. As pessoas podem ligar ainda para (71) 3622-7755 ou para o celular corporativo (71) 98796-9858. O atendimento funciona em regime de plantão, 24 horas por dia.

Publicado em Camaçari

Na tarde da sexta-feira (19/7), aconteceu no Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) uma reunião entre os secretários de Governo (José Gama), Saúde (Elias Natan), Desenvolvimento Urbano (Genival Seixas), Serviços Públicos (Armando Mansur) e o coordenador da Defesa Civil (Ivanaldo Soares) para discutir o recolhimento e acolhimento de animais de grande porte soltos em vias públicas do município. Também participou da reunião a coordenadora do CCZ, Shirley Rocha.

Durante o encontro, ficou definido que o recolhimento dos animais de grande porte soltos em vias públicas é de responsabilidade da Defesa Civil e da Superintendência de Trânsito e Transporte. O acolhimento desses animais será de responsabilidade da Secretaria de Desenvolvimento Urbano, através da Coordenação de Bem-Estar Animal. Somente os animais de grande porte com alguma zoonose terão seu acolhimento sob a responsabilidade da Secretaria de Saúde, através do CCZ.

Após recolhidos, os animais ficarão no curral da Coordenação de Bem Estar Animal, ao lado do CCZ, durante um prazo determinado por lei até que seus proprietários paguem a taxa para retirar o mesmo. No caso do não comparecimento do dono do animal, o mesmo será cedido à Secretaria de Agricultura e Pesca ou a uma ONG para uso em atividades agrícolas e rurais.

Publicado em Camaçari

O Movimento Advogados do Brasil emitiu um manifesto em repúdio à declaração do Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Felipe Santa Cruz atacando a Operação Lava Jato.

Para Santa Cruz, as declarações do juiz federal Marcelo Bretas, responsável pelos processos da Lava Jato no Rio de Janeiro, são “vedetismo judicial” e “partidarismo político”.

Bretas disse em entrevista à Época que entrou em depressão após a exposição alcançada por seu trabalho à frente da Operação Lava Jato no Rio de Janeiro. Ele relacionou duas razões principais que agravaram a situação.

Primeiro, por ter cada vez menos tempo para o lazer — por exemplo, perdendo um Carnaval inteiro para tratar de medidas cautelares envolvendo executivos de uma empreiteira. Depois, por começar a ser reconhecido constantemente nas ruas por estranhos.

Também em entrevista à Época, o presidente da OAB disse que o que Bretas faz é política partidária. “O que me preocupa é essa transmutação, essa mudança do papel do juiz no ativismo e no vedetismo, numa espécie de pessoa pública que pode falar de tudo e de todos, sem prova, fora dos autos, atacando ministros do Supremo, a reputação de instâncias superiores do Judiciário. O doutor Marcelo Bretas é uma vedete, não um juiz”, afirmou.

Ainda segundo Santa Cruz, a superexposição de juízes nas redes sociais transformou a magistratura em um teste de vaidade e popularidade. “Juiz não é liderança política, não é comentarista. Juiz fala nos autos, tem que ser imparcial. É gravíssimo que a gente crie um modelo em que os juízes sejam justiceiros”.

O manifesto dos advogados lembra que não é a primeira declaração dada pelo atual Presidente da OAB.

“Recentemente ele atacou publicamente filhos cujos pais são desconhecidos chamando-os de ‘filhas da puta’ e igualou a profissão de advogada a de uma prostituta, na tentativa de atacar uma advogada nas redes sociais”.

Com mais de 150 assinaturas, o Movimento Advogados do Brasil afirmou que pretende organizar uma Associação de Advogados, representando aqueles que ultimamente não se sentem representados pela OAB.

Recentemente, o movimento emitiu outro manifesto em apoio à Lava Jato,  Sergio Moro e Deltan Dallagnol e em repúdio ao Conselho Federal da OAB. O documento teve assinatura de mais de mil advogados brasileiros.

Confira o manifesto na íntegra: 

MANIFESTO DOS ADVOGADOS DO BRASIL

NOTA DE REPÚDIO ÀS DECLARAÇÕES DO PRESIDENTE DA OAB, DR. FELIPE SANTA
CRUZ, CONTRA O JUIZ MARCELO BRETAS

O Movimento Advogados do Brasil, mais uma vez, vem a público para repudiar as declarações do Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Felipe Santa Cruz, que, mesmo ocupando o cargo sem ter sido eleito de modo direto pela maioria dos advogados brasileiros, continua usando a instituição para manifestar seu posicionamento político pessoal, atacando a maior operação de combate à corrupção, a Operação Lava Jato.

Desta vez, sua declaração ataca o Juiz Marcelo Bretas, magistrado que tem desempenhado um trabalho exemplar e histórico à frente da Lava Jato do Rio de Janeiro. A infeliz declaração diz que Bretas é “uma vedete, não um juiz” e que “a Lava Jato do Rio tem inovado porque ela é quase um partido político”.

Lembramos que essa não é a primeira declaração machista e política dada pelo atual Presidente da OAB.
Recentemente ele atacou publicamente filhos cujos pais são desconhecidos chamando-os de “filhas da puta” e igualou a profissão de advogada a de uma prostituta, na tentativa de atacar uma advogada nas redes sociais.

Destacamos que a Lava Jato do Rio, em menos de 5 anos, realizou 46 denúncias, com 296 denunciados, 229 prisões cautelares, 466 buscas e apreensões, R$ 4,95 bilhões de reparação de danos solicitados, com 40 condenados e 665 anos e 6 meses de penas privativas de liberdade somadas, tirando de circulação líderes de organização criminosa de todos os poderes do Estado do Rio de Janeiro, desde ex-governadores, ao presidente da Assembleia Legislativa, membros do Tribunal de Contas do Estado e o próprio ex-procurador-geral de Justiça, chefe do MP do Rio de Janeiro.

Tudo isso sem nenhuma predileção, seletividade ou favorecimento, mas, muito pelo contrário, aplicando-se os rigores da lei de modo igual para todos, respeitado o devido processo legal e a ampla defesa, defendidos de modo sagrado pelos advogados do Brasil. Diante do exposto, esperam os Advogados do Brasil que o Presidente do Conselho Federal da OAB respeite os ditames da Constituição e realize imediatamente Eleições diretas com a participação legítima de todos os inscritos na entidade cumprindo igualmente as normas da OAB e o decoro exigido para o cargo de representação máxima da Instituição.

Publicado em Brasil

Como parte das ações do Julho Amarelo, mês de conscientização da prevenção e tratamento das hepatites, a Secretaria de Saúde de Camaçari, através do Centro de Referência em Especialidades em Saúde (CRES), realizou no Centro Comercial de Camaçari, durante a sexta-feira (19/7), panfletagens, distribuição de preservativos e testes rápidos para detecção de hepatites, sífilis e HIV. Ao final do dia, foram distribuídos 2.160 preservativos masculinos, 200 femininos, 300 tubos de gel e realizados 292 testes rápidos.

Secretário de Saúde de Camaçari, Elias Natan esteve na ação e parabenizou toda a equipe pelo empenho. “O teste rápido acontece em todas as nossas unidades de saúde. Mas, ações como essa são fundamentais. Uma vez que levamos o serviço às pessoas ao invés de esperar que elas se dirijam às unidades de saúde. Contudo, é importante salientar que a melhor forma de combater as DSTs e as hepatites é com a prevenção. E isso só depende de cada pessoa”.

Carla Bressy, enfermeira e coordenadora do CRES de Camaçari, explica que o acesso ao teste rápido e ao tratamento da DSTs e hepatites acontece em todas as unidades de saúde do município. “Basta a pessoa ir na unidade de saúde e informar na recepção ou ao profissional de saúde que deseja fazer o teste rápido. O mesmo ocorre em total sigilo. Se o resultado der reagente ao vírus, essa pessoa é encaminhada ao CRES para que sejam feito mais um exame e inicie o devido tratamento com todo acompanhamento multiprofissional”.

Publicado em Camaçari

Para elaboração do novo Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano (PDDU) de Camaçari aconteceu a segunda reunião da Comissão Executiva. O encontro foi realizado nesta segunda-feira (22/7), na sala de reuniões da Secretaria de Governo (Segov), para preparar as primeiras audiências públicas, que marcarão o lançamento dos trabalhos relativos ao tema.

As primeiras audiências públicas estão previstas para acontecer em agosto e contarão com intérprete de libras. Mas antes, sairá uma convocação, para a população e entidades participarem do debate, que vai ser feita por meio de edital publicado em Diário Oficial. A convocação sairá com prazo de, pelo menos, quinze dias de antecedência, com pauta e o regimento.

“Para respeitar a questão da territorialização dos debates, como Camaçari tem um território muito extenso e a população encontra-se muito descentralizada, a gente vai promover um debate na sede e outro na Costa. Sendo que as audiências são abertas a qualquer cidadão, a qualquer interessado na discussão do planejamento da cidade, dos investimentos, programas e projetos”, explicou a presidente da Comissão Executiva para revisão do PDDU, a assessora especial da Segov, a urbanista Juliana Paes.

Na oportunidade, também foi discutida a construção do Portal do PDDU, que será dedicado a promover os debates, uma forma de recebimento de todas as contribuições da comunidade. Além de permitir o acesso aos cidadãos de tudo o que for produzido, como estudos, documentos e convocações.

O destaque relacionado ao portal é a preocupação de ser totalmente acessível, desde o tamanho da fonte, para as pessoas com baixa visão, até a linguagem de sinais. A prefeitura está estudando a contratação da instalação de um plug-in que fará toda tradução do texto, da informação que estará disponibilizada. O lançamento deverá ser no dia das audiências.

O PPDU é uma lei municipal que deve ser elaborada com a participação de toda sociedade e visa organizar o crescimento e o funcionamento do município. A lei orientará para um melhor desenvolvimento da cidade, visando melhorar a qualidade de vida das pessoas.

Outro objetivo da reunião também foi evidenciado pela presidente da Comissão, que é o de convocar as pessoas a fazerem a mobilização social para participação no plano. “Foi destacado que o Conselho Municipal da Cidade e o Conselho do Meio Ambiente têm uma missão muito grande de difundir esses debates, para agregar todos os movimentos e entidades que tenham interesse na temática de desenvolvimento urbano”.

A Comissão Executiva foi criada através do Decreto nº 6932/2018 e assegura o controle social através da participação de membros dos conselhos de Meio Ambiente (COMAM) e Municipal da Cidade (CONCIDADE), além de contar com equipe multidisciplinar.

Publicado em Camaçari

Na tarde desta terça-feira (23/7), o prefeito Elinaldo Araújo foi até o Colégio Municipal São Tomaz de Cantuária para realizar a entrega das melhorias realizadas na unidade. O gestor foi recebido com muita alegria pelos estudantes e servidores, que aproveitaram a oportunidade para prestar homenagens.

Ao falar com os presentes, o prefeito Elinaldo, que já estudou na unidade, lembrou da importância do local e dos aprendizados que levou para a vida. “Aqui foi um lugar que tive muita alegria. Meu sonho era estudar aqui, onde me formei em contabilidade e esse aprendizado tem sido muito importante na minha vida”. Ele ainda deixou uma mensagem aos estudantes. “Devemos acreditar em nós mesmos”, ao lembrar da trajetória realizada.

A secretária de Educação, Neurilene Martins, aproveitou a oportunidade para enumerar as ações que a Prefeitura de Camaçari realiza na escola. A titular da pasta destacou o Mais Música na Escola, com aulas a partir do próximo mês no contraturno, o Programa Prova Brasil, com atividade complementar, uma Companhia de Teatro, dentre outros. Ela ainda anunciou que conseguiu a aprovação do Termo de Referência do Ensino Fundamental com a Corporação Andina de Fomento (CAF), para elaboração do Referencial Curricular dos Anos Finais.

Dentre as intervenções realizadas na unidade, se destacam a demolição de mureta e instalação de gradil em continuação do existente, fechamento do estacionamento interno, revisões elétrica e hidráulica, pintura geral e troca de mobiliário.

O Colégio Municipal São Tomaz de Cantuária atende 960 alunos, do 6º ao 9º ano. A gestora da unidade, Roquilda Santos, lembrou como estava o local ao assumir a direção. “Cheguei na escola e fiz um relatório da estrutura física, das deficiências. E tudo que coloquei como problema, hoje não existe mais”, ponderou ao afirmar que essa é “uma tarde de muita alegria”. Ela ainda fez questão de entregar ao prefeito Elinaldo o diploma e a relação da turma em que estudou.

Muito emocionada, a estudante do 6º ano, Maria Luiza Santana Oliveira, 10 anos, afirmou que ficou “muito feliz em chegar para o meu primeiro ano na escola e encontrar ela assim, bonita. Isso é muito bom pra gente estudar mais e aprender muito”.

Após o evento, o prefeito Elinaldo seguiu para o Centro de Integração e Apoio ao Trabalhador (CIAT) para atender dezenas de pessoas. No ato da entrega, estavam presentes o vice-prefeito, José Tude, além de autoridades municipais do Executivo e do Legislativo.

Publicado em Camaçari

A Prefeitura de Camaçari, através da Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania (Sedes), vai inaugurar nesta quarta-feira (24/7), às 17h, o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Nova Vitória, localizado na Rua Delegado Clayton Leão Chaves, em frente a 18ª Delegacia (no antigo prédio da Concreta).

A unidade, que conta com recepção, salas de atendimento geral e CadÚnico, setores de benefícios e administrativo, coordenação e programa Primeira Infância, entre outros tipo de atendimento ao público. A unidade será entregue após mudar de endereço e passar por obras de requalificação, para melhor atender a população.

O Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Nova Vitória abrange famílias dos bairros Nova Vitória, Novo Horizonte, Piaçaveira, Centro, Ponto Certo, Dois de Julho, Gleba B, Natal, Alto da Cruz, Cristo Redentor, Ficam, Gleba A, Gravatá, Mangueiral, Parque Florestal e Parque Satélite.

Publicado em Camaçari

O corpo de um homem de 55 anos foi encontrado nesta segunda-feira (22), em um açude no município de Santaluz (BA). Conhecido como “Timbal”, Valdemar de Jesus Araújo estava com marcas no rosto, o que pode indicar que ele foi agredido antes de morrer.

De acordo com o Notícias de Santaluz, a Polícia Civil investiga se a vítima morreu por afogamento ou se foi assassinada e jogada na água. A remoção do corpo ficou a cargo do Departamento de Polícia Técnica de Serrinha.

Publicado em Bahia

Plantações poderiam produzir 19 toneladas da droga

Uma operação realizada entre os dias 11 a 20 de julho erradicou 230 mil pés de maconha, em Cabrobó e municípios vizinhos, no Sertão de Pernambuco. Intitulada de Lábaro – Erradicação, a inciativa destruiu diversas plantações, que poderiam produzir 19 toneladas da droga pronta para o consumo.

As ações foram realizadas pelo Núcleo de Operações Especiais e Grupo de Patrulhamento Tático da Polícia Rodoviária Federal (PRF), em conjunto com o Comando de Operações e Recursos Especiais da Polícia Civil de Pernambuco (CORE-PCPE). As roças foram encontradas em levantamentos realizados pela Base de Operações Aéreas da PRF, que identificou plantações com as características das que cultivam a “Cannabis Sativa”.

Além dos pés de maconha, foram destruídos equipamentos utilizados no cultivo e milhares de mudas da planta. Os responsáveis pelas plantações não foram encontrados nos locais de plantio. As ocorrências serão investigadas pela Polícia Civil de Pernambuco.

Trio detido com R$35 mil

Na penúltima sexta-feira (12/7), três homens foram flagrados com R$35 mil em dinheiro na BR 116, em Belém de São Francisco, no Sertão do estado. Eles estavam em um carro com placas de São Paulo e foram detidos no início da operação.

O trio possuía diversas passagens na polícia por estelionato, falsificação de documento e associação criminosa. Eles informaram que o dinheiro seria da venda de um terreno e foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil do município, que irá investigar o caso.

Publicado em Brasil

Ele foi condenado a 20 anos pelo homicídio de Elisa Samudio

A Justiça de Minas Gerais decidiu conceder regime semiaberto domiciliar ao ex-goleiro Bruno Fernandes, condenado pelo homicídio de Elisa Samudio em 2010. A decisão foi proferida pelo juiz Tarciso Moreira de Souza, da Vara de Execuções Penais de Varginha (MG). Bruno deixou a prisão na tarde de sexta-feira (19/7).

Em 2013, Bruno foi condenado a 20 anos e nove meses pelos crimes de homicídio triplamente qualificado, sequestro e ocultação de cadáver. Conforme a sentença, Bruno foi apontado como autor do assassinato de Eliza, com quem teve um relacionamento e um filho. Ela desapareceu em 2010, aos 25 anos, e foi considerada morta pela Justiça. Na época, o goleiro jogava no Flamengo.

Bruno ganhou direito ao benefício após ter cumprido o tempo necessário para progressão da pena, conforme está previsto na Lei de Execuções Penais (LEP). Ele estava preso desde 2010.

Pela decisão do juiz, o ex-goleiro deverá trabalhar durante o dia e retornar para casa à noite. Ele também está proibido de sair de casa entre as 20h e as 6h, além de frequentar bares e boates.

A decisão do juiz foi viabilizada após a segunda instância da Justiça de Minas ter retirado da ficha prisional de Bruno uma falta grave por uso de celular dentro da prisão. Com a suspensão dos efeitos da punição, o ex-goleiro passou a ter direito ao benefício.

 

Por Terça Livre

Publicado em Brasil
Pagina 1 de 2

Grupo Fato Verdade. Sua verdade na web.

Informações de qualidade, sem firulas, sem achismo

Galeria de Fotos