Itens filtrados por data: Segunda, 15 Julho 2019

De 22 a 26 de julho será aberto o processo de cadastramento para o transporte universitário referente ao período letivo 2019.2. O aluno interessado deve acessar o endereço eletrônico https://sistemas.camacari.ba.gov.br/sesp/transporte_universitario/disponível apenas no prazo de cadastro. Além de preencher a ficha de inscrição, imprimir e assinar, o candidato à vaga deve anexar na plataforma online o comprovante de matrícula no formato PDF e uma foto 3×4 para documento, digitalizada, e salva como arquivo de extensão PNG.

Após cumprir essa etapa, a pessoa deve comparecer a um dos postos de atendimento com a ficha de inscrição impressa e assinada pelo estudante ou responsável, no caso de menor de idade, e juntar RG, CPF, comprovantes de matrícula e de residência (água, luz, telefone fixo), título de eleitor do município com biometria, e caso seja bolsista, levar documentação comprovando a bolsa de estudos. A Secretaria de Serviços Públicos (Sesp), responsável pela prestação do serviço, orienta que se ao longo do processo de cadastro aparecer uma mensagem de segurança, basta clicar na opção “Avançado”.

A Sesp dispõe de dois postos de atendimento do programa, um na sede e outro na costa do município. O primeiro fica na Sesp, situada na Limpec, localizado no Loteamento Espaço Alfa, s/n, bairro Jardim Limoeiro. A unidade funciona das 8h às 12h e das 14h às 17h. Na orla, o posto fica na Prefeitura Avançada da Costa, localizada no quilômetro 13 da Estrada do Coco, em Vila de Abrantes, com horário de atendimento das 8h às 12h e das 14h às 16h.

Para mais informações, o estudante pode entrar em contato com a Coordenação do Transporte Universitário por meio do número (71) 3622-7718.

RECADASTRAMENTO

Para quem já faz uso do serviço de transporte o prazo para recadastramento será de 5 a 30 de agosto e para fazer a pessoa deve acessar o portal do aluno (https://sistemas.camacari.ba.gov.br/estudante), informar o numero do CPF e senha, e anexar o comprovante de matricula 2019.2 (carimbado e assinado pela instituição) em formato PDF.

 

Publicado em Camaçari

Aconteceu na tarde da última segunda-feira (15/7) o ato solene para divulgação do resultado do Concurso Público Nacional de Estudo Preliminar de Arquitetura, Urbanismo e Paisagismo para o Parque Morro da Manteiga. A ação ocorreu no auditório da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Sedur) e foi transmitida ao vivo através da página do Instituto dos Arquitetos do Brasil – Bahia (IAB-BA), organizadora do certame.

Para o concurso, houve 29 inscrições, mas foram apresentadas apenas 22 propostas. Todas estas já foram divulgadas no site do concurso e todos podem tem acesso, no endereço http://www.concursomorrodamanteiga.org/.

A proposta vencedora foi de uma equipe da capital de São Paulo, de Carlos Eduardo Murgel Miller. A avaliação da comissão julgadora destacou na ata que o projeto “parte de uma leitura ampla e complexa do território. A inserção do parque é observada, na primeira prancha, a partir da conexão com o anel florestal e um sistema de espaços livres verdejados existentes na cidade, grafados e colocados em destaque. Essa ação denota a potencialidade que o Parque pode engendrar no futuro da cidade de Camaçari”, dentre outras observações.

O primeiro lugar receberá como prêmio a quantia de R$ 80 mil e assinará o contrato para desenvolvimento do Projeto Executivo de Arquitetura, Urbanismo e Paisagismo, dos Projetos Executivos Complementares e da Supervisão da Obra, a ser firmado com a Prefeitura de Camaçari. Para o segundo e terceiro colocados, as premiações são de R$ 30 mil e R$ 20 mil, respectivamente. A data prevista para a cerimônia de premiação e da abertura de exposição dos trabalhos é o dia 26 de setembro, na Cidade do Saber.

Como representante da Prefeitura de Camaçari, o servidor público e arquiteto da Sedur, Ricardo Ramos, participou do ato e destacou os benefícios que Camaçari vai ter com o desenvolvimento do projeto. “Será de suma importância a construção desse parque, que será aberto para a visitação pública, para a diversão da comunidade. É de grande valia para os camaçarienses”.

A presidente o IAB – BA, Solange Araújo, destacou a importância da seleção através de concurso “esse é um processo que é fundamental no Brasil, seria fundamental que todos os gestores públicos praticassem os contratos por concurso público”.

O coordenador do Concurso Público em Camaçari e membro da diretoria do IAB-BA Lucas Mucarzel, também fez referencia a decisão da prefeitura. “Entendo que o concurso público é a modalidade mais democrática de licitação, dos serviços de projeto. Porque isso garante uma livre e aberta participação do interessado, torna a participação mais democrática e transparente”.

 

RESULTADO

1º Lugar

Pasta: 2

Número de Inscrição: 24

Equipe: Carlos Eduardo Murgel Miller

Cidade: São Paulo – São Paulo

2º Lugar

Pasta: 14

Número de Inscrição: 25

Equipe: Emerson Vidgal

Cidade:Curitiba – Paraná

3º Lugar

Pasta: 5

Número de Inscrição: 27

Equipe: Ronald Werner Fiedler

Cidade: São Paulo – São Paulo

Menções Honrosas

Pasta: 11

Número de Inscrição: 72

Equipe: Alexandre Kenji Okabaiasse

Cidade: Curitiba – Paraná

Pasta: 15

Número de Inscrição: 64

Equipe: Igor Costa Spanger

Cidade: Curitiba – Paraná

Pasta: 23

Número de Inscrição: 61

Equipe: Marina Pedroso Correia

Cidade: Rio de Janeiro – Rio de Janeiro

Publicado em Camaçari

De acordo com informações do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), foram liberados recursos suplementares na ordem de R$1 bilhão para continuidade de obras do programa federal Minha Casa Minha Vida, contemplando o município de Camaçari, que terá 1.200 casas no bairro de Parafuso.

Segundo o ministro Gustavo Canuto, serão autorizadas 17 mil unidades habitacionais que foram contratadas em 2018, entre elas o Residencial Vila São José I, II, III e IV, localizado no Angico, em Parafuso. Para o secretário de Habitação, Júnior Borges, a notícia vem em um ótimo momento. “É mais um avanço do nosso governo. Um esforço feito em conjunto com a prefeitura municipal e o deputado Paulo Azi para garantir estas casas para o povo de Camaçari. Vamos continuar avançando”, comemorou o secretário.

O investimento no Residencial Vila São José I, II, III e IV será de aproximadamente R$ 105 milhões. A iniciativa, além de ofertar novas residências para os munícipes, contribuirá com a geração de empregos diretos e indiretos. Vale ressaltar que as novas casas serão destinadas para moradores de Camaçari que residem em local de risco.

Publicado em Camaçari

O prefeito de Camaçari, Elinaldo Araújo, participou na manhã desta segunda-feira (15/7) da cerimônia de abertura do workshop que marca o início do Planifica SUS na Bahia e segue até terça (16/7). Inicialmente serão contemplados seis municípios do estado, entre eles Camaçari. O evento foi realizado na Câmara de Vereadores de Simões Filho, que sediou a atividade e integra o rol das primeiras beneficiadas com a ação. Além dessas duas cidades também são favorecidas Mata de São João, Lauro de Freitas, Dias D’Ávila e Conde. Todas, na ocasião, assinaram o Termo de Compromisso com o projeto.

Ao longo da abertura o público presente conheceu como vai funcionar o projeto. A Planificação da Atenção à Saúde se dará por meio de workshops, oficinas tutoriais e atividades complementares. A iniciativa consiste na organização da atenção básica e dos macros e microprocessos básicos de Atenção primária à Saúde (APS) e da Atenção Ambulatorial Especializada (AAE).

Essa proposta permitirá às equipes de saúde dos dois níveis de complexidade desenvolverem o planejamento e a organização da atenção à saúde, baseados em diretrizes clínicas, de acordo com o Modelo de Atenção às Condições Crônicas, em busca da correta operacionalização da rede. O foco de trabalho são sempre as necessidades dos usuários.

O público alvo são as equipes de saúde da família e da AAE da região de saúde, com vista à qualificação da APS enquanto ordenadora das Redes de Atenção à Saúde (RAS) e a integração desta com a de Atenção Ambulatorial Especializada.

O secretário da Saúde Elias Natan explicou que “Camaçari vai servir enquanto projeto piloto, visto que o laboratório central será uma unidade nossa, a Unidade de Saúde da Família do Novo Horizonte, que servirá de referência para os demais municípios. No local serão treinados todos os profissionais, desde os servidores da vigilância à equipe médica, com foco na qualificação desses microprocessos de trabalho, padronizando ao nível do Hospital Albert Einstein, considerado de excelência no país, e que é o executor do projeto. A finalidade é padronizar e melhorar o atendimento, tornando-o mais eficiente e eficaz”, concluiu.

O prefeito Elinaldo disse receber o projeto de forma muito positiva. “Com o que foi explanado reforçamos que saúde não se faz sozinho, e por isso estamos buscando a unidade e priorizando a atenção básica, que é o caminho para melhorar a saúde. É preciso que os municípios compreendam que Unidades de Pronto Atendimento (UPA’s) e hospitalares são sempre a última instância a ser utilizado pelo paciente. Temos que cuidar da porta de entrada do usuário, fazer a prevenção, que acontece na saúde primária”, colocou o gestor do município.

Além do laboratório central, que fica em Camaçari, os outros cinco municípios contarão com unidades laboratórios locais que servirão de referência para os demais postos de saúde da própria cidade. O número de laboratórios de cada cidade é definido com base no fator populacional, e Camaçari, além do central, contará com mais quatro, as Unidades de Saúde da Família (USF’s) do jardim Limoeiro, Parafuso, Areias e Fonte das Águas.

Na Bahia, o projeto será iniciado primeiramente em duas regiões consorciadas de Saúde: a região de Simões Filho, a qual Camaçari faz parte, e a Região de Valença. A etapa preparatória vem ocorrendo desde abril deste ano, quando a proposta foi detalhada para os municípios convidados a compor o projeto.

O Planifica SUS é um projeto do Conselho Nacional dos Secretários Estaduais de Saúde (CONASS), operacionalizado pelo Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do SUS (PROADI-SUS) do Ministério da Saúde, e executado pela Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Hospital Albert Einstein. O prazo para conclusão do projeto é dezembro de 2020.

Publicado em Camaçari

A Prefeitura de Camaçari, através da Secretaria de Saúde (Sesau), realizará no dia 26 de julho mais um mutirão de cirurgias de catarata. No último, realizado em 2018, 180 pacientes foram beneficiados. Para participar, os pacientes precisam passar pela triagem que acontecerá no próximo final de semana na sede e na Costa de Camaçari.

No dia 19 de julho (sexta-feira), acontecerá a triagem dos pacientes da Costa, na Clínica São Matheus, em Vila de Abrantes. E no dia 20 de julho (sábado), acontecerá a triagem dos pacientes residentes na sede de Camaçari, na Clínica São Matheus da sede, localizada na Avenida Comercial.

Para participar da triagem, os pacientes precisam ter acima de 55 anos de idade e comparecerem munidos do documento de identificação com foto e Cartão SUS. Após a triagem e os devidos exames pré-operatórios, o mutirão de cirurgias acontecerá no dia 26 de julho.

O Secretário de Saúde, Elias Natan, destaca o empenho do governo em realizar as cirurgias eletivas. “Isso foi um compromisso assumido pelo nosso prefeito Elinaldo. Já realizamos mais de mil cirurgias eletivas através de dois mutirões. Isso sem contabilizar as cirurgias eletivas que realizamos no dia a dia, conseguindo zerar a fila de espera de boa parte dos procedimentos cirúrgicos que estavam travados”, afirma.

Publicado em Camaçari

Seguindo a apresentação do novo calendário letivo de 2019, o prefeito Elinaldo Araújo, na tarde desta segunda-feira (15/7), se reuniu com gestores das escolas municipais. Este é o terceiro encontro norteado pelo Programa Mais e Melhor Educação, marcando assim uma ação contínua que será realizada ao longo do ano. O foco deste encontro foi apresentar e discutir o projeto especial para o calendário 2019, que pretende regularizar o ano com a inclusão de nove sábados letivos de forma que as aulas finalizem em Janeiro e retorne em março de 2020.

“É muito importante estar aqui reunido com diretores e vice diretores das escolas, buscando dialogar sobre o calendário letivo que está atrasado, para que juntos nós tenhamos uma saída para isso e consigamos resolver essa dificuldade.” disse o prefeito Elinaldo. Que também falou sobre o investimento de R$3,5 milhões, que vem como uma ferramenta para o plano de ação de cada diretor, uma vez que favorece a possibilidade de remunerar o professor no trabalho do apoio pedagógico no contraturno, no planejamento extraordinário, na produção de recursos de modo que isso alimente o processo pedagógico da escola como um todo e também aporte qualidade ao sábado letivo.

“Questões relativas ao abandono, evasão, índices acadêmicos que vem sendo prejudicados por esse descompasso no calendário civil e letivo tendem a ser sanadas ou reduzidas de forma significativa com a medida, então esse é um momento de fortalecimento do coletivo da educação da rede de Camaçari e o caminho para a gente poder construir uma Educação Mais e Melhor”, pontuou a secretária de Educação, Neurilene Martins.

 
Publicado em Camaçari

Uma moradora do bairro Phoc III, em Camaçari, reclama da qualidade da água que ela recebe em sua casa. Segundo ela mostra em um vídeo, a água forma uma mancha de óleo.

“Eu, como moradora, gostaria de mostrar a minha indignação em relação a Embasa no bairro do Phoc III. A água está podre, uma borra de óleo imensa e um mau cheiro de esgoto. Isso é um verdadeiro absurdo. A Rua Cacique pede socorro!”.

Publicado em Camaçari

Um motorista de caminhão morreu após o veículo que dirigia tombar na manhã desta terça-feira (16) em Encruzilhada, no sudoeste baiano. Segundo a Via Bahia, que administra a via, o acidente ocorreu na altura do km 921 da BR-116, por volta das 8h. O caminhão transportava bovinos. 

De acordo com o G1, o motorista chegou a ser socorrido, mas morreu após dar entrada em estado grave em um hospital da região. Não há informações sobre enterro da vítima. Também não foi informado o que ocorreu com os animais transportados no veículo.

Publicado em Bahia

Rodoviários de Itabuna, no sul baiano, encerraram a greve nesta terça-feira (16). A categoria estava paralisada há uma semana. Segundo o G1, o sindicato dos rodoviários [Sindirov] disse que influenciou na decisão uma determinação do Tribunal Regional do Trabalho (TRT). Ao site, o vice-presidente da representação, José Carlos Batista Montenegro, disse que a volta ao trabalho ocorreu pelo fato de os trabalhadores temerem ficar sem os salários, mesmo sem garantia de receber reajuste.

A Associação das Empresas de Transporte Urbano de Itabuna (Aetu) disse que, além da decisão do TRT, influencio no fim da greve uma espécie de voto de confiança dos rodoviários dado aos empresários. A greve começou no dia 9 de julho, menos de um mês após os rodoviários encerrarem outra paralisação de 10 dias. A greve foi feita porque os rodoviários disseram que não receberam reajuste salarial proposto pelas empresas na greve anterior. A Aetu, por sua vez, disse não poder dar o reajuste porque a prefeitura não reajustou a passagem nos coletivos.

Publicado em Bahia

Um protesto nesta terça-feira (16), defronte ao Ministério da Educação, organizado pela União Nacional de Estudantes (UNE) deixou dois policiais militares feridos e uma viatura pichada, segundo informações do MEC.

Manifestantes organizados estavam com camisetas da UNE e furaram o bloqueio feito pelos policiais na entrada do Ministério. Um deles, chegou a arremessar um cone de sinalização na tropa. Ele foi levado à 5ª Delegacia de Polícia do DF.

Para dispersar os manifestantes, que tentaram invadir o prédio, a PM teve que usar gás lacrimogênio.

O Ministério informou que não houve contato de representantes do grupo para uma conversa com gestores. “O MEC presta todo o apoio à Polícia Militar do Distrito Federal e aos policiais lesionados”, disse o órgão em nota.

O ministério disse ainda que repudia o ato violento e que os PMs estavam a serviço para garantir a ordem pública e evitar possíveis danos ao patrimônio e aos servidores da sede da pasta, em Brasília.

O que teria motivado as manifestações seria um projeto de reforma da autonomia financeira da educação superior pública federal, elaborado pelo Ministério da Educação, que está sendo apresentado a reitores e pró-reitores de planejamento das Universidades Federais em reunião institucional no MEC e com a exposição do Programa Ministerial no INEP durante esta semana.

Segundo a UNE, os estudantes tentavam se aproximar do Ministério para entregar suas reivindicações aos reitores das federais presentes em Brasília.

O Sindicato Nacional de Docentes das Instituições de Ensino Superior emitiu um documento conclamando greve geral para 13 de agosto “para derrotar a política de privatização dos serviços públicos e a destruição dos direitos e conquistas da classe trabalhadora e do povo brasileiro”.

 

Publicado em Brasil
Pagina 1 de 2

Grupo Fato Verdade. Sua verdade na web.

Informações de qualidade, sem firulas, sem achismo

Galeria de Fotos