Itens filtrados por data: Quarta, 06 Novembro 2019

Uma única aposta, feita em São Paulo (SP), acertou os seis números do concurso 2.205 da Mega-Sena, realizado nesta quarta-feira (06).

Os números sorteados foram: 12 - 21 - 28 - 37 - 42 - 57. O prêmio é de R$ 61,43 milhões.

A quina teve 112 acertadores, cada um receberá R$ 30.075,67. A quadra teve 6.318 apostas ganhadoras com prêmio de R$ 761,65.

O próximo concurso, com sorteio no sábado (9), tem uma estimativa de prêmio de R$ 3 milhões. As apostas podem ser feitas pela internet ou casas lotéricas até as 19h do dia do sorteio. A aposta mínima única custa R$ 3,50.

FONTE: AGÊNCIA BRASIL

Publicado em Brasil

O corpo de uma mulher foi encontrado, na tarde desta quarta-feira (6), no município de Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador. Segundo informações da polícia, a vítima aparenta ter entre 25 e 30 anos e estava nas margens da Via Ipitanga.

A mulher foi encontrada com a barriga virada para baixo, apresentando marcas de sangue, mas ainda não se sabe se tinha ferimentos de arma de fogo.  

A delegacia da área e o Departamento de Polícia Técnica (DPT) foram acionados para adoção das medidas cabíveis.

FONTE: BNEWS

Publicado em Simões Filho

Um homem foi assassinado em via pública, na Baixa da Égua, Rua Neide Gama, no bairro do Engenho Velho da Federação, na noite de quarta-feira (6).

De acordo com os dados do boletim da secretária de Segurança Pública, a vítima foi identificada como Alan Cleiton dos Santos Macedo, 23 anos. 

Segundo moradores, a rua estava movimentada quando por volta das 21h, homens armados chegaram no local de carro e começaram atirar, atingindo a vítima, que não resistiu aos ferimentos e morreu no local.  A polícia e agentes do Departamento de Polícia técnica foram acionados para investigação do crime e remoção do corpo, respectivamente.

FONTE: BNEWS
 

Publicado em Salvador

O Supremo Tribunal Federal (STF) retoma nesta quinta-feira (7), às 14h, o julgamento sobre a constitucionalidade da execução provisória de condenações criminais, conhecida como prisão após segunda instância. A expectativa é de que o julgamento seja finalizado hoje, quando ocorre a quinta sessão da Corte para discutir a questão.

Até o momento, o placar do julgamento está 4 votos a 3 a favor da medida. Faltam os votos dos ministros Gilmar Mendes, Celso de Mello, Dias Toffoli e da ministra Cármen Lúcia.

No dia 17 de outubro, a Corte começou a julgar definitivamente três ações declaratórias de constitucionalidade (ADCs), relatadas pelo ministro Marco Aurélio e protocoladas pela Ordem dos Advogados, pelo PCdoB e pelo antigo PEN, atual Patriota.

O entendimento atual do Supremo permite a prisão após condenação em segunda instância, mesmo que ainda seja possível recorrer a instâncias superiores. No entanto, a OAB e os partidos sustentam que o entendimento é inconstitucional e uma sentença criminal somente pode ser executada após o fim de todos os recursos possíveis, fato que ocorre no STF e não na segunda instância da Justiça, nos tribunais estaduais e federais. Dessa forma, uma pessoa condenada só vai cumprir a pena após decisão definitiva do STF.

A questão foi discutida recentemente pelo Supremo ao menos quatro vezes. Em 2016, quando houve decisões temporárias nas ações que estão sendo julgadas, por 6 votos a 5, a prisão em segunda instância foi autorizada. De 2009 a 2016, prevaleceu o entendimento contrário, de modo que a sentença só poderia ser executada após o Supremo julgar os últimos recursos.

Segundo o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o julgamento terá impacto na situação de 4,8 mil presos com base na decisão do STF que autorizou a prisão em segunda instância. Os principais condenados na Operação Lava Jato podem ser beneficiados, entre eles, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso desde 7 de abril do ano passado, na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, após ter sua condenação por corrupção e lavagem de dinheiro confirmada pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), no caso do tríplex do Guarujá (SP), além do ex-ministro José Dirceu e ex-executivos de empreiteiras.

FONTE: AGÊNCIA BRASIL

Publicado em Brasil

O servidor público que tiver de se afastar do trabalho para participar de eventos sindicais terá de compensar as horas não trabalhadas. A Resolução nº 596 do Conselho da Justiça Federal, que estabelece a medida, está publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (7).

O documento diz ainda que a viabilidade da participação do servidor será analisada pela chefia imediata, de modo a não prejudicar o regular funcionamento do serviço na unidade em que ele trabalha.

O servidor deverá apresentar também à chefia imediata comprovante de participação nos eventos sindicais, fornecido pela entidade organizadora, sob pena de não ser justificado o período de afastamento.

FONTE: AGÊNCIA BRASIL

Publicado em Brasil

O Estudo Sondagem Conjuntural, do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), com dados de setembro, mostra a retomada do otimismo entre os donos de micro e pequenas empresas.

O percentual daqueles que acreditam na melhoria do cenário econômico cresceu de 56% em agosto para 59% em setembro.

Ainda segundo o levantamento, seis em cada 10 empresários (58%) têm planos de investir no próprio negócio em 12 meses.

A pesquisa ouviu quase 3 mil empreendedores entre os dias 11 e 18 de setembro.

Os dados mostram que 79% dos entrevistados que têm dificuldades em contratar mão de obra especializada optam por contratar pessoas inexperientes e capacitam no próprio estabelecimento.

De acordo com o Sebrae, isso comprova que as micro e pequenas empresas têm sido responsáveis não apenas pela geração de postos de trabalho, mas também pela formação de mão de obra no país.

“A Sondagem Conjuntural mostra que 62% dos empreendedores entrevistados estão na expectativa de aumentar o faturamento e 93% dos que estão otimistas acreditam que o crescimento dos negócios se dará com o governo atual”, diz nota do Sebrae.

Entre os setores mais otimistas destacam-se a construção civil (65%) e empresas de pequeno porte.

Para o presidente do Sebrae, Carlos Melles, os pequenos negócios têm sido um dos alavancadores da economia no Brasil, pois são eles que estão gerando mais emprego e renda.

"Os donos de micro e pequenas empresas estão confiantes no futuro do país”, afirmou. “Somente este ano, foram mais de 670 mil vagas criadas pelas micro e pequenas empresas, o que representou cerca de 90% do total de postos de trabalho com carteira assinada, superando todo o saldo de 2018”, acrescentou.

Números da pesquisa

- Total recorde de empresários (35%) quer contratar funcionários nos próximos 12 meses.

- O percentual de empresários otimistas com o futuro da economia aumentou de 56% para 59%.

- Este percentual é o terceiro maior da série iniciada em 2017, e superou em 55% o do mesmo mês de 2018.

- O total de empreendedores otimistas em relação ao faturamento de suas empresas subiu para 62%.

- 93% dos otimistas com a economia acreditam que o país irá crescer mais com o governo atual.

-O otimismo é mais expressivo entre as EPP e os que atuam na Construção Civil.

- Cerca de 6 em cada 10 empresários (58%) querem investir nos próximos 12 meses.

- Mais da metade dos entrevistados (51%) disseram ter dificuldades em contratar mão de obra.

- 79% dos empresários têm optado por contratar pessoas inexperientes, capacitando-as no dia a dia da empresa.

FONTE: AGÊNCIA BRASIL

Publicado em Brasil

Pela segunda vez esta semana, a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) realiza hoje (7) um leilão para permitir a exploração e produção de petróleo e gás na camada pré-sal. Ontem (6), ela leiloou os excedentes da Cessão Onerosa e conseguiu licitar dois dos quatro blocos ofertados

O leilão de hoje é a 6ª Rodada de Licitações de Partilha de Produção, que oferecerá, na Bacia de Santos, os blocos de Aram, Bumerangue, Cruzeiro do Sul e Sudoeste de Sagitário.

Também será leiloado o bloco Norte de Brava, o único da lista que fica no pré-sal da Bacia de Campos.

A sessão pública de ofertas começará às 9h, em um hotel na zona oeste do Rio de Janeiro.

Ao todo, 17 companhias foram habilitadas para participar do leilão, incluindo empresas estatais e privadas estrangeiras e as brasileiras Petrobras e Enauta Energia. O número é considerado recorde para as rodadas de partilha em que o leilão e a contratação funcionam de forma específica por se tratarem de áreas do pré-sal.

No Regime de Partilha, o bônus de assinatura é fixo, e as empresas disputam os blocos por meio de lances em que são avaliados os excedentes em óleo partilhados com a União.

Cada bloco tem uma previsão de percentual mínimo de óleo-lucro, que nada mais é do que a fatia da produção que o consórcio se compromete a dividir com o Estado brasileiro, depois de descontados os royalties e custos de operação. Quem oferecer a maior participação à União vence a disputa.

Valores

Se todos os blocos forem arrematados, a União vai arrecadar R$ 7,850 bilhões em bônus de assinatura, valor que é pago pelas empresas para poder firmar os contratos.

A 6ª Rodada foi o último dos três leilões realizados este ano pela ANP. Em 10 de outubro, a agência fez a 16ª Rodada de Concessão e arrecadou R$ 8,915 bilhões em bônus de assinatura para a União, com a concessão de 12 dos 36 blocos ofertados.

O segundo leilão, considerado o maior da história, foi realizado ontem (6), e ofereceu a possibilidade de produzir em áreas do pré-sal que já estavam em desenvolvimento pela Petrobras por meio do contrato de cessão onerosa.

Assinado em 2010, esse contrato cedia à Petrobras um limite de 5 bilhões de barris de óleo equivalente, e foi leiloada a possibilidade de produzir além desse limite. Estimativas apontam que as reservas nas quatro áreas podem chegar a 15 bilhões. 

Com os dois blocos arrematados, os cofres públicos e a Petrobras vão arrecadar R$ 69,960 bilhões em bônus de assinatura, valor que deve ser pago até 27 de dezembro.

Do montante, R$ 34,6 bilhões ficarão com a Petrobras, e o restante será dividido entre União (R$ 23 bilhões), estados, (R$ 5,3 bilhões), municípios (R$ 5,3 bilhões) e o Rio de Janeiro, que terá uma parcela adicional de R$ 1,1 bilhão por ser o estado produtor.

FONTE: AGÊNCIA BRASIL

Publicado em Brasil

Na manhã desta quarta-feira (6/11), foi realizado o último encontro de Apoio aos Fundos, promovido pelo Instituto Grupo Boticário para apresentação dos projetos. A ação é resultado de uma parceria entre o Instituto e o Conselho Municipal da Criança e do Adolescente (CMDCA). O primeiro encontro aconteceu no mês de julho deste ano e, ao todo, foram realizados quatro encontros mensais formativos, mediados por Andréa Moreira, mestre em Gestão Humana e Social, e gestora da Yabá Consultoria em Gestão Sustentável e Investimento Social.

O programa Apoio aos Fundos tem como objetivo contribuir para o fortalecimento do Sistema de Garantia de Direitos da Criança e do Adolescente e do Idoso, além de dialogar com os Conselhos e com a Rede de Atendimento para viabilizar a construção coletiva de soluções sociais.

Na ocasião, oito projetos foram apresentados para o Grupo Instituto Boticário, a secretária de Desenvolvimento Social, Andréa Montenegro, além de membros do CMDCA, Conselho do Idoso e representantes de Organizações da Sociedade Civil (OSCs).

A gestora da Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania (Sedes), Andréa Montenegro, fez questão de acompanhar de perto a apresentação dos projetos e parabenizou a todos pelo trabalho desenvolvido no município. “Gostaria de agradecer o apoio de todas as instituições, que vêm fazendo comigo uma gestão participativa. Criamos o Núcleo de Atendimento à Instituições dentro da Sedes para poder dá a vocês todo o apoio burocrático, na busca de captação de recursos”, salientou.

Para o presidente do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente (CMDCA), José Hilton, o resultado foi bastante satisfatório. “Hoje é o fechamento dessa capacitação para os fundos foi de fundamental importância para o nosso município. Uma empresa séria, contratada pelo Instituto Boticário, que capacitou essas instituições e hoje elas estão dando um show de como vender os seus projetos, que foi isso que foi ensinado nos encontros. E nós vamos para as empresas vender esses projetos aprovados pelo Conselho que aí já vem chancelado, com o dinheiro para fundo para essas instituições. Essa é a primeira vez que o CMDCA avança de verdade. Estamos apoiando oito projetos, no valor de $900 mil”, explicou.

 

Relação dos projetos apresentados:

CEZA – Centro de Ação Comunitária Zilda Aranha
Projeto Meninas de Abrantes: Vidas Protegidas de Direitos;

AASC – Associação de Apoio Social de Camaçari
Projeto Unidos por uma vida mais digna para todos;

APITO – Associação Paulo Tonucci
Projeto Articular Juventudes;

COMVIDA – Instituto Convida
Projeto Fé Menina;

Grupo de Mães Nossa Senhora do Amparo
Projeto Educação Integrada em Literatura e Arte;

EMAÚS – Fundação Emaús
Projeto A Arte que Transforma;

ESCOLA COMUNITÁRIA DE PARAFUSO – Associação Comunitária de Desenvolvimento de Parafuso
Projeto Criança e Adolescente com Ritmo e Movimento;

ISBET – Instituto Brasileiro Pro Educação, Trabalho e Desenvolvimento
Projeto Capacita;

Representante do Grupo Boticário, Valéria Moro

Publicado em Camaçari

Gratidão e alegria do dever cumprido tomaram conta da solenidade em homenagem às professoras aposentadas realizada nesta quarta-feira (6/11), no gabinete do prefeito Elinaldo Araújo.

“Este é um ato simbólico de agradecimento a vocês, professoras, por tantos anos de serviço prestados ao município”, afirmou o superintendente do Instituto de Seguridade do Servidor Municipal (ISSM), Pedro Guimarães, ressaltando que este é o primeiro grupo de professores a ser aposentado após a vigência da Lei 1.597/2019, que dispõe sobre a incorporação da gratificação por regência de classe à aposentadoria.

“É uma emoção muito grande, indescritível, uma sensação de caminhada vencida. Eu entrei no concurso de 1986 e já tenho 33 anos de trabalho, então eu estava com uma ansiedade maior do que as professoras que completaram 25 anos de trabalho. Hoje eu me sinto muito feliz, nas nuvens”, comemorou Jackeline Lima, umas das 15 professoras aposentadas no dia 1º de novembro.

“Parabenizo a todas vocês, pois só vocês sabem o que passaram para se aposentar, e parabenizo também ao superintendente e a toda equipe que trabalha pela estabilidade do Instituto”, afirmou o prefeito Elinaldo Araújo, após entregar o decreto de aposentadoria às servidoras.

Além da homenagem, as professoras receberam informações relevantes sobre o momento pós-aposentadoria, como o recadastramento obrigatório, contribuição previdenciária, empréstimos, entre outras.

“Sejam bem-vindas ao Instituto! O instituto é de vocês e vocês têm que acompanhar e contribuir para a boa gestão do ISSM”, ressaltou a diretora de Previdência, Doranei Dantas, convidando as professoras para participar também do Grupo de Convivência Amizade e Paz.

“Estou sentindo alívio e a sensação de missão cumprida e a recompensa é a nossa aposentadoria”, comentou a recém-aposentada Cleide Nazaré, que atuou como professora em Camaçari durante 30 anos.

O mesmo sentimento é compartilhado pela professora Nádia Freitas. “Eu estava tão nervosa que eu não conseguia nem enxergar meu nome no Diário Oficial. Depois de me acalmar, vi o Decreto e foi só alegria. Foram 32 anos de serviço e me aposento com a consciência leve”.

 

Publicado em Camaçari

Com vistas a consolidar o município como um Polo Educacional, teve início nesta quarta-feira (6/11) a 3ª edição da Jornada Universitária e Feira de Ciência e Tecnologia de Camaçari. O Foyer do Teatro Cidade do Saber estava repleto de estudantes da rede municipal e particular de ensino, dos anos finais, e do ensino médio e técnico da cidade, todos curiosos e ávidos por mais conhecimentos. Além disso, o local esteve cheio dos estandes das diversas instituições de ensino técnico e superior nas modalidades presencial e à distância, que, na oportunidade, apresentaram os cursos oferecidos e os diversos atrativos tecnológicos ofertados. A iniciativa segue até esta quinta-feira (7/11), das 8h às 16h.

Segundo informações do assessor de Ensino Superior da Seduc, Marcos Pereira, o evento vem crescendo a cada ano e um destaque especial desta edição pode ser dado à participação e o engajamento maior da Universidade Federal da Bahia (Ufba), por meio do Instituto de Ciência, Tecnologia e Inovação (ICTI) de Camaçari, nas atividades propostas, que tem como intenção esclarecer e servir como incentivo na definição e envolvimento dos jovens e estudantes em uma carreira nestas áreas. “Nesta perspectiva, durante os dois dias da 3ª edição da Jornada Universitária, a Ufba promoverá atividades, como oficinas, palestras, demonstrações, workshop, com salas de debate e visitas dirigidas em parceria com o Museu Unica e do LabTec (Laboratório de Tecnologia de Camaçari)”, destacou.

Outros destaques da jornada e que deixaram os participantes fascinados, ficam por conta dos atrativos tecnológicos e novidades expostas, a exemplo do Just Dance (famoso jogo eletrônico de dança, que se baseia em imitar a coreografia de um dançarino virtual na tela), do funcionamento de uma impressora 3D, de jogos com óculos de realidade virtual, de projetos de robótica, dentre outros encantos da tecnologia moderna. Além disso, as diversas oportunidades e inovações que as organizações de ensino superior apresentam durante o evento.

Participam da iniciativa cerca de 20 estabelecimentos educacionais, entre técnico e superior nas modalidades presencial e à distância, além de empresas e institutos de intermediação de mão de obra e encaminhamentos para estágio. A expectativa é de que cerca de dois mil estudantes passem pelos estandes nesses dois dias do evento.

A adolescente Ilana Costa, 16 anos, que cursa o 1º ano de Ensino Médio na Escola Polivalente de Camaçari, estava encantada com tudo que via. Ela experimentou os óculos de realidade virtual e disse que ele proporciona sensações incríveis e curiosas. A estudante já está ambientada com as novas tecnologias, pois participa de oficinas de robótica ofertadas pela Ufba na Cidade do Saber.

Já o estudante Alex Sena, 15 anos, do 2º ano da Escola Dom Pedro, logo de início, esteve no estante que fazia exposição da impressora 3D e recebeu informações sobre o funcionamento e as possibilidades que o aparelho oferece. Ele achou muito interessante e falou que diante do ambiente atual em que está inserido, pretende prestar vestibular para Ciência da Computação.

O aluno do 9º ano do Centro Educacional Reitor Edgard Santos, Luiz Eduardo da Silva, 16 anos, se esbaldou no Just Dance com os colegas da escola e achou bem divertido o jogo de dança. Disse, inclusive, que aproveitou para aprender uns passinhos novos com os dançarinos virtuais.

O objetivo da Jornada Universitária e Feira de Ciência e Tecnologia é apresentar aos estudantes as oportunidades na área de ensino superior e técnico ofertadas no munícipio, possibilitando que os moradores da cidade possam contar com o conforto de estudar onde residem. A medida permite ainda que os jovens se aproximem da ciência e possam planejar o futuro estudantil com mais segurança e informação.

A iniciativa é realizada pela Prefeitura de Camaçari, por intermédio da Secretaria da Educação (Seduc), e conta ainda com apoio das secretarias de Relações Institucionais (Serin) e da Cultura (Secult).

Publicado em Camaçari

Grupo Fato Verdade. Sua verdade na web.

Informações de qualidade, sem firulas, sem achismo

Galeria de Fotos