Itens filtrados por data: Sábado, 05 Outubro 2019

O Bahia vem fazendo bonito na Série A do Campeonato Brasileiro esse ano. Um dos jogadores mais regulares do Bahia na temporada, Nino Paraíba rasgou elogios ao trabalho do técnico Roger Machado e ao elenco tricolor, durante entrevista coletiva na manhã desta sexta-feira (4). 

"Esse nosso grupo é... Como se fala, deu liga. Roger chegou, ajeitou bastante nossa equipe, principalmente ali atrás. Agora deu aquela fechada ali atrás. Espero manter sem tomar gol durante esse final de campeonato", – afirmou.

Contra o Avaí, na última segunda, Nino marcou o segundo gol e ajudou o Tricolor a vencer a partida. Com isso, o Bahia chegou a 37 e assumiu a 6ª colocação, mesma pontuação do Inter, que está uma casa acima. Agora, o compromisso do Esquadrão será contra o Athletico-PR, neste sábado. Na visão do lateral, o desafio do clube é se manter entre os seis primeiros colocados.

"Agora que entrou no G-6 tem que lutar para se manter. Não adianta só chegar e deixar escapar. Tem que chegar e se manter. O difícil é se manter e a gente espera manter o campeonato que vem fazendo. A cada jogo dar o nosso melhor. Creio que a gente vai fazer um grande jogo". 

Publicado em Esportes

Desde às 9h deste domingo os brasileiros estão votando para escolher os representantes dos conselhos tutelares em todo o país. Trinta mil conselheiros deverão ser eleitos para atuar em 5.956 conselhos em funcionamento em todo o território nacional.

A participação na escolha dos novos conselheiros não é obrigatória e a votação vai até as 17h. No momento da votação, o cidadão deverá apresentar título de eleitor e documento de identidade original com foto, ou o aplicativo e-título, da Justiça Eleitoral. Podem votar eleitores cadastrados nos tribunais regionais eleitorais até 14 de junho deste ano.

O eleitor escolhe um representante para o Conselho Tutelar mais próximo de sua residência.

Informações sobre os locais de votação devem ser buscadas nas prefeituras, nas secretarias municipais que tratam dos direitos de crianças e adolescentes, na Justiça Eleitoral e nas próprias sedes dos conselhos.

O Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos dispõe de Cadastro Nacional de Conselhos Tutelares, com os respectivos endereços e contatos.

De acordo com nota do ministério, mais da metade dos conselhos estão em atividade nas regiões Nordeste (1.885 conselhos em 1.811 cidades) e Sudeste (1.830 conselhos em 1.668 municípios).

Na Região Sul funcionam 1.234 em 1.191 cidades. No Centro-Oeste, são 527 conselhos entre 466 municípios e 31 regiões administrativas do Distrito Federal. Na região Norte há 480 conselhos divididos em 420 municípios.

Conforme previsto no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), podem se candidatar aos conselhos tutelares pessoas residentes no município, que tenham 21 anos ou mais e que sejam de “reconhecida idoneidade moral”.

O ECA estabelece mais de uma dezena de atribuições aos conselhos tutelares, entre elas “representar contra a violação de direitos” de crianças e adolescentes.

A lei também diz que o processo para a escolha dos membros do Conselho Tutelar é “estabelecido em lei municipal e realizado sob a responsabilidade do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e a fiscalização do Ministério Público”.

Quem for eleito neste domingo, tomará posse em janeiro de 2020 para um mandato de quatro anos. Pela primeira vez, serão permitidas a reeleição e a recondução de conselheiros.

 

 

FONTE: AGÊNCIA BRASIL

Publicado em Brasil

O presidente Jair Bolsonaro afirmou neste sábado (5) que não fará questionamentos ao Supremo Tribunal Federal em relação aos vetos na lei que tipifica os crimes de abuso de autoridade. Em setembro, o Congresso Nacional derrubou 18 vetos referentes à lei.

“Eu vetei em grande parte a lei de Abuso de Autoridade. O Parlamento derrubou vetos, essa lei entra em vigor a partir do ano que vem. Lei é lei. Tem gente questionando agora, via Ação Direta de Inconstitucionalidade, no Supremo Tribunal Federal. Eu não pretendo questionar, posso fazer, mas não pretendo fazer isso daí. Essa briga já não é mais minha”, disse Bolsonaro ao participar, por meio de uma live, do Simpósio Nacional Conservador de Ribeirão Preto.

“A regra do jogo é essa. O que o Supremo decidir, eu vou cumprir. O que o Congresso votar e chegar nas minhas mãos, eu tenho poder de vetar. Se o Parlamento derrubar o veto, é lei e não se discute mais”, acrescentou.

O presidente afirmou também que não vai mais interferir no projeto de lei que altera as regras eleitorais, sancionado no dia 27 de setembro. Entre os pontos vetados pelo presidente da República, está justamente a recriação da propaganda político-partidária no rádio e na televisão, que havia deixado de existir com a reforma eleitoral anterior (Lei 13.487, de 2017).

"Fiz os vetos e o mundo caiu na minha cabeça", argumentou. "Falaram que eu estava fazendo o jogo de cartas marcadas, para que o parlamento derrubasse o veto para que as mudanças valessem para a eleição do ano que vem", afirmou. "E o que aconteceu? Os vetos não foram apreciados. Se forem apreciados a partir da semana que vem, eles não valem para a eleição do ano que vem. Por que a lei eleitoral precisa entrar em vigor um ano antes da eleição. Isso só valerá para 2022", disse.

Bolsonaro afirmou ainda que prepara mudanças na gestão dos órgãos ligados à área da Cultura, como Fundação Nacional de Artes (Funarte) e Agência Nacional do Cinema (Ancine).

“Nós não podemos perder a guerra com a informação. Deixamos tudo isso muito à vontade no passado. Estamos preparando mudanças na questão da Cultura, da Funarte, da Ancine. Muita gente empregada lá, em cargos de comissão, desde o primeiro ano do governo Lula. Algumas pessoas têm mandato, a gente não vai perseguir ninguém, mas o Brasil mudou. Não pretendo [aceitar] mais certo tipo de obra por aí. Isso não é censura, é preservar os valores cristãos, tratar com respeito a nossa juventude”, disse.

 

 

FONTE: AGÊNCIA BRASIL

Publicado em Política
Domingo, 06 Outubro 2019 00:00

Dilma Mendes é homenageada em Camaçari

Exibindo no peito com orgulho as medalhas de campeã das Copas do Mundo, das Nações 2019 e da América como técnica da Seleção Brasileira Feminina de Futebol 7, Dilma Mendes foi homenageada neste sábado (5/10) pela Prefeitura de Camaçari. Em clima de muita vibração e emoção ela desfilou pela cidade no carro do Corpo de Bombeiros e recebeu o carinho da população.

Como é de praxe entre os grandes campeões, Dilma Mendes, percorreu ruas de diversos bairros do município, inclusive do Alto da Cruz e Gleba A, onde nasceu e vive, respectivamente, encerrando com um ato na Praça Desembargador Montenegro.

Ao entregar uma placa de homenagem, o vice-prefeito, José Tude, que representou o prefeito Elinaldo Araújo, falou diretamente para Dilminha, como a chama carinhosamente, “trago palavras de incentivo, para que você continue nessa sua jornada, trazendo alegrias para a gente aqui, em Camaçari”.

Muito emocionada, Dilma, que é mulher, negra e nordestina falou sobre a luta de atuar no esporte que, inicialmente, só era permitido para homens, e da importância de não desistir dos sonhos. “Resolvi caminhar com o esporte, um esporte social e transformador. Eu quero um esporte campeão, eu sou uma campeã, mas não adianta nada eu sair de Camaçari e conquistar e não fazer os filos de Camaçari campeões da vida, porque é isso que a gente precisa”.

A mãe de um dos alunos da técnica, Neide Gabriel, 40 anos, fez questão de agradecer em público o trabalho realizado. “Tenho um filho com necessidades especiais e essa mensagem que ela passa, de não desistir, é muito importante. Tanto que ele já desenvolveu muito depois que passou a realizar a atividade com ela”.

O primeiro título como técnica da Seleção Brasileira Feminina de Futebol 7 foi a Liga das Américas, que aconteceu no mês de abril, em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. Agora, no mês de setembro vieram mais duas consagrações, da Copa do Mundo, em Roma, na Itália, no dia 28 de setembro, tornando a seleção bicampeã mundial, e da Copa das Nações 2019, no dia 30 de setembro, na Espanha.

A técnica ainda treina a equipe masculina do Camaçari Fut7 Vitória que, sob seu comando, foi tetracampeão Baiano, campeão da Copa Bahia e figurou no ranking entre os 12 melhores do país, sendo primeiro no estado. Troféus dos títulos baianos também desfilaram pelas ruas da cidade.

O vereador Flávio Matos esteve presente no ato e também entregou uma placa em reconhecimento ao trabalho dedicado ao esporte no município.

Publicado em Camaçari

Grupo Fato Verdade. Sua verdade na web.

Informações de qualidade, sem firulas, sem achismo

Galeria de Fotos