Vereadores solicitam melhorias nas áreas de infraestrutura, segurança publica e turismo Destaque

23 Mai 2019
199 vezes

Infraestrutura, segurança pública e turismo estiveram em pauta na 15a Sessão Ordinária do Primeiro Período Legislativo da Câmara Municipal de Camaçari, realizada na manhã desta quinta-feira (23), no Teatro Alberto Martins.

A Indicação Nº 895/2019, de autoria do vereador Dilson Magalhães Júnior (Patri), indicou, ao Executivo Municipal, que solicite ao Governo do Estado, à Secretaria de Segurança Pública (SSP/BA) e ao comando do 12º Batalhão de Polícia Militar de Camaçari, a intensificação das rondas policiais em toda extensão do bairro da Gleba A, especialmente na frente do Colégio Estadual Cidade de Camaçari e do Colégio José de Freitas Mascarenhas.

A solicitação foi defendida e subscrita pelos demais parlamentares da Casa, a exemplo do vereador Rui Magno (DEM). “Nas imediações dos colégios, assim como próximo à UPA, localidade de grande circulação de transeuntes, notamos um risco muito grande e a presença de meliantes causando medo aos moradores”, comentou o parlamentar.

Já a indicação N° 165/2019, feita pelo vereador Niltinho (PR), pediu a revitalização da Praça João Corôa, no bairro dos 46, e a construção de uma academia ao ar livre no local. “A praça é muito frequentada, tanto para o lazer das famílias, como para a prática de atividades físicas. Uma academia ao ar livre seria um grande benefício para os seus frequentadores. Por isso, solicito que o poder público atenda esta solicitação, a fim de proporcionar uma melhor qualidade de vida à população”, defendeu Niltinho.

Na área do turismo, o vereador Jackson (PT), através da Indicação N° 294/2019, pediu a pavimentação intertravada do Emissário Submarino, localizado em Arembepe. “O local é um ponto turístico bastante utilizado pelos moradores de Camaçari, assim como de toda Região Metropolitana. Esta solicitação não é para recapeamento asfáltico, para não perder a beleza natural da localidade, e sim intervenções que não afetem a sua natureza”, disse o parlamentar. “Precisamos também nos preocupar com a receita do município, o que inclui o turismo. Camaçari tem 42 km de orla, um potencial enorme para desenvolvermos a nossa economia”, concluiu.

Avalie este item
(0 votos)

Grupo Fato Verdade. Sua verdade na web.

Informações de qualidade, sem firulas, sem achismo

Galeria de Fotos